Guimagüinhas
Memórias familiares e da minha cidade natal
Textos
Ilustração: Figura. Reprodução. A pecadora unge os pés de Jesus - Disponível na internet1253689.png
A PECADORA QUE UNGIU OS PÉS DE JESUS
1253689.png
SUMÁRIO

     - Apresentação
     - Questões preliminares
     - Pontos de exame
     - Aspectos doutrinários
     - Conceitos de "pecado"
     - O pecado nos textos bíblicos
          
 No Antigo Testamento
          
 No Novo Testamento
     - A responsabilidade perante as Leis Divinas
      - As leis morais que regem nossa evolução
          
 As leis morais
          ♦ A principal lei moral: a de amor, justiça e caridade
          ♦ Perfeição moral
      - O erro e a dor
     - Lições de Jesus sobre Carma e Reencarnação
      - O amor cobre multidão de pecados
      - Apresentação PPT
     - Referências
1253689.png
APRESENTAÇÃO


Nesse ínterim, João se aproximou e interrogou:

— Mestre, por que não condenastes a meretriz de vida infame?

Jesus fixou no discípulo o olhar calmo e bondoso e redarguiu:

— Quais as razões que aduzes em favor dessa condenação? Sabes o motivo por que essa pobre mulher se prostituiu? Terás sofrido alguma vez a dureza das vicissitudes que ela atravessou em sua vida? Ignoras o vulto das necessidades e das tentações que a fizeram sucumbir a meio do caminho. Não sabes quantas vezes tem sido ela objeto do escárnio dos pais, dos filhos, dos irmãos e das mulheres mais felizes. Não seria justo agravar-lhe os padecimentos infernais da consciência pesarosa e sem rumo.


(Pecado e punição. Boa Nova - Cap. 13. Umberto de Campos/F. C. Xavier)
 
Abaixo vão o Resumo didático e a Apresentação PPT da palestra A PECADORA QUE UNGIU OS PÉS DE JESUS - Aquele que muito ama muito resgata, apresentada por Antônio Carlos Guimarães na Grupo Espírita Aura Celeste, de São Lourenço, MG, em 15 de dezembro de 2019.

Neste estudo, vê-se a passagem da pecadora que ungiu os pés de Jesus, exclusiva do Evangelista Lucas (Lc 7, 36-50), cujo tema central é o perdão dos pecados, analisando-se a visão espírita do pecado e a possibilidade de sua remissão, não como um referencial externo, em que Deus escolhe quem quer perdoar, e sim como um referencial interno em que a individualidade


parando de cometer um erro, reparando seus erros anteriores e  perdoando os erros do próximo, se harmoniza com a Lei Divina.   (Carlos Torres Pastorino. Sabedoria do Evangelho)

Para o Espiritismo, arrependimento, expiação e reparação constituem as três condições necessárias para apagar uma falta e suas consequências, pois, do contrário, o perdão seria uma graça, não uma anulação. (Allan Kardec, O Céu e o Inferno)

Confira a seguir.
1253689.png
QUESTÕES PRELIMINARES

Algumas questões são propostas para chamar a atenção para o tema a ser estudado:
 
  1253689.png
PONTOS DE EXAME

Alguns pontos que serão examinados neste estudo:

 

 
1253689.png
ASPECTOS DOUTRINÁRIOS

Relembrando pontos doutrinários para compreensão e contextualização do tema de estudo:

 




 
1253689.png
CONCEITOS DE "PECADO"

No Espiritismo aprendemos que a lei natural é a Lei de Deus (
O Livro dos Espíritos, Q. 614) e que ela é a única verdadeira para a felicidade do homem, indicando o que deve fazer ou não fazer. 

As Leis da natureza são de origem divina, quer as leis da matéria, quer as leis da alma (leis morais). Essas leis são imutáveis como o próprio Deus. (
O Livro dos Espíritos, Q. 615 e 617).

Tendo o livre-arbítrio o homem muitas vezes se afasta das leis da alma, e se torna infeliz, e tem de responder pelas consequências de suas escolhas.

Desse modo, não há no Espiritismo o conceito de pecado como uma ofensa contra Deus, situação na qual o culpado torna-se passível de uma punição correspondente.

A doutrina espírita entende os desvios da Lei Divina como erros
que trazem a dor como consequência. A dor, por sua vez, é o aguilhão que excita a alma, pela amargura, a se dobrar sobre si mesma e a voltar ao porto da salvação (Paulo, Apóstolo in O Livro dos Espíritos, Q. 1009). 

dor é, portanto, o instrumento que nos obriga a corrigir as faltas que cometemos e retornar ao caminho do bem.

Arrependimento, expiação e reparação constituem as três condições necessárias para apagar uma falta e suas consequências. O arrependimento suaviza os travos da expiação, abrindo pela esperança o caminho da reabilitação; só a reparação, contudo, pode anular o efeito destruindo-lhe a causa. Do contrário, o perdão seria uma graça, não uma anulação. (
Allan Kardec, O Céu e o Inferno)

Veja o Código penal da vida futura, do livro O Céu e o Inferno, disponível aqui

Vejamos os conceitos tradicionais de "pecado":
 
1253689.png
O PECADO NOS TEXTOS BÍBLICOS

No Antigo Testamento

 

No Novo Testamento
 




 
1253689.png
A RESPONSABILIDADE PERANTE AS LEIS DIVINAS

Do Átomo ao Arcanjo

Como já estudado na lição Evolução cósmica e espiritual segundo Espiritismo (aqui), o princípio espiritual criado por Deus evolui pelos Reinos da Natureza, até que se humaniza e se torna Espírito humano.

A seguir, esses espíritos são postos a crescer espiritualmente nos mundos corpóreos, num lento processo de conscientização até alcançarem a perfeição.




  1253689.png
AS LEIS MORAIS QUE REGEM NOSSA EVOLUÇÃO

As leis morais

As leis morais são estudadas no Livro Terceiro de O Livro dos Espíritos, deste modo:

 



 
A principal lei moral: a de amor, justiça e caridade
 
 
Perfeição moral
 


  1253689.png
O ERRO E A DOR

O escritor espírita Hermínio Miranda, nos seus trabalhos de desobsessão, observou que em seres encarnados e desencarnados, carregados de culpa em razão de erros passados, ocorre um processo, que se resume abaixo, que coincide com o esquema para o qual já atinou a psicanálise.

Confira este resumo didático:

 
  1253689.png
LIÇÕES DE JESUS SOBRE CARMA E REENCARNAÇÃO

Nesse passo, estudam-se três passagens evangélicas em que Jesus cura pessoas cegas, para se estudar os conceitos de dor na Doutrina Espírita, as quais, didaticamente, denominamos: dor expiação, dor evolução e a dor despertamento.

 

  1253689.png
O AMOR COBRE MULTIDÃO DE PECADOS

Aqui, utilizando uma tradução de Carlos Torres Pastorino, feita a partir do original grego, estuda-se a passagem da pecadora que ungiu os pés de Jesus e na qual o Mestre narra a parábola dos dois devedores.

O fundo moral dessa passagem é que muito será perdoado a quem muito tiver amado.

 






  1253689.png
APRESENTAÇÃO PPT

Apresentação PPT desta palestra A PECADORA QUE UNGIU OS PÉS DE JESUS - Aquele que muito ama muito resgata, está disponível
 
- Clicando aqui
1253689.png
REFERÊNCIAS

- Allan Kardec: O Evangelho segundo o Espiritismo; O Livro dos Espíritos; O Céu e o Inferno - A justiça divina segundo o Espiritismo - Obras Póstumas

- Código penal da vida futura. In Allan Kardec. O Céu e o Inferno. Disponível aqui: 
http://bibliadocaminho.com/ocaminho/TKardequiano/TKP/Ci/CiP1C07.htm#It3

- Novo Testamento: Passagens mencionadas na apresentação acima

- Carlos Torres Pastorino - Sabedoria do Evangelho - Vol. 5 - Passagens de O cego de nascença e A pecadora que ungiu os pés de Jesus

- Cosme Massi – A ordem didática de O Livro dos Espíritos. Nobilitá, 2014

- Hermínio C. Miranda. O erro e a dor. In A memória e o tempo. Arte & Cultura, 1991, 3ª. Edição, p. 205

- O que é pecado – Visão espírita. Espiritismo na Rede. Disponível em: https://marcoaureliorocha5.blogspot.com/2011/03/o-que-e-pecado-visao-espirita.html

- Frames dos v
ídeos 

A pecadora unge os pés de Jesus - Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=32TFB6t22wk

A mulher pecadora que ungiu os pés de JesuDisponível em: https://www.youtube.com/watch?v=VmPt0haKytc
  1253689.png
Guimaguinhas
Enviado por Guimaguinhas em 14/12/2019
Alterado em 15/12/2019
Comentários

Espaço Francisco de Paula Vítor (Padre Vítor)

 

Aprendizado Espírita Net

 

 

As Águas Virtuosas de Lambari e a devoção a N... R$1,00
Os Curadores do Senhor R$20,00
Abigail [Mediunidade e redenção] R$20,00
Menino-Serelepe R$20,00
Site do Escritor criado por Recanto das Letras

Formas de interação com o site GUIMAGUINHAS

- Contato com o site - clique o link e envie sua mensagemhttp://www.guimaguinhas.prosaeverso.net/contato.php

- Contato com o autor - envie mensagem para este e-mail: historiasdeaguinhas@gmail.com

- Postar comentários sobre textos do site - utilize esta ferramenta que está ao pé do textoComentar/Ver comentários 

- Enviar textos: utilize acima: