Guimagüinhas
Memórias familiares e da minha cidade natal
Meu Diário
16/02/2020 17h33
RECANTO DOS NETOS (8) Vocabulário da Rafa

Ilustração: Rafa experimentando roupas, "combinando" gorro, roupão e sandálias...


SUMÁRIO


APRESENTAÇÃO

Nesta série RECANTO DOS NETOS contamos histórias das únicas criaturas que são mais encantadoras do que nossos filhos: os filhos dos nossos filhos — os nossos netos.


A série RECANTO DOS NETOS está se alongando.

Confira os posts já publicados:

E hoje tem mais um com artes da Rafa — a menina espoleta da família.

Vamos lá, pois, conhecer O vocabulário da Rafa.

Voltar


VOCABULÁRIO DA RAFA

 

— Dá água na casca do ovo pra essa menina, gente? — Receita da trisavó Margarida, dizia a vó Celeste.

E vó Mara retrucava: — Que nada! Destranca a boca dessa menina com uma chave, que ela vai falar, logo, logo...

Bem, acho que fizeram as duas simpatias ao mesmo tempo, pois a Rafa que até os dois anos só dizia umas poucas palavras (mas explicava tudinho com o corpo e os braços) de repente, numa noite, disparou a formar a frases e não parou mais de falar e gesticular como uma mamma italiana. E o pior: juntou os vezos da vó Mara e da vó Celeste e ficou mandona, mandona, com mania de comandar tudo e todos...

No começo, ansiosa por falar de tudo, às vezes, não encontrava as palavras e gesticulava para demonstrar o que queria dizer; depois, gesticulava e engrolava uma frase sem sentido, mas que todos entendiam como se fosse sinônimo de alguma coisa.

Falando alto e apressadamente, muitas vezes corta palavras e frases, e diz coisas muito engraçadas. Se a vó corrige, ela retruca:

— Vó, eu falo assim porque minha boca ainda é piquinininha!

Como toda criança de nosso tempo, num minutinho dominou o tablet e os truques do celular, da internet, dos controles da TV, dos brinquedos eletrônicos, do som do carro, etc. etc., etc. ... 

Mais à frente, repontou o gênio da comandante. Numa rodinha de crianças, logo dá a ordem: 

Gente, vamos brincar de mamãe e filhinhos. Eu sou a mamãe! 

E como se fora uma "diretora teatral", distribui os papéis, passa os diálogos, marca os lugares, comanda os movimentos, a entrada da fala e tudo o mais...

E no vocabulário da Rafa, estão coisas curiosas.

Vejam:

— Bêbo - Bêbado – O bêbo passou na rua e levou o cachorrinho, vovó!

— Barrugo - Barrigudo – Vovô, papai não é barrugo! Ocê é que é!

— Bikina - Biquini – Vovôôôô! Traz minha bikina!!!!

— Bicôto - Biscoito – Vó Mara, me dá um bicôto!

— Pópito - Próximo – Pópito! (ela diz brincando com um joguinho em que opera a caixa do supermercado e chama o cliente seguinte)

— Camarrão - Macarrão – Eu só quero camarrão, mãe.

— Bambali - Lambari – Mãe, a gente vai pra Bambali hoje?

— Celulér - Celular – Não pega meu celulér!

— Igabéla - Isabela (a irmã) – Igabeéelllaaa! Me dá o joguinho, que é meu!

— Birrolho - Besouro – Óia, Igabela, é um birrolho!

— Ecola - Escola – Esse ano eu vou pra ecola, viu vovó?

— Caminhagem - Maquiagem – Vamo brincá de caminhagem, Igabela?

— Cacaganda - Propaganda – Eu vi a cacaganda do iôgute.

— Capotó - Pocotó – (Imitando o cavalo andando: capotó, capotó, capotó...) 

— Monta-cabeça - Quebra-cabeça – Quero brincar de monta-cabeça.

— Equicóptero - Helicóptero – O equicóptero tá passando, papai Jô!

— Icritório - Escritório – Rafa, cadê o vovô?  – Tá no icritório dele!

— Bibi - Vivi (Viviane, a tia) – Ganhei da tia Bibi!

— Perepipi - Paralelepípedo – A chuva estragou o perepipi da rua

— Aba - Água – Me dá aba, mãe.

— Muneca - Boneca – Onde tá minha muneca, Igabela?

 

Voltar


   

 

Rafaela: Graça e bom humor, fazendo a alegria da família

Mas... tem dia que está de mau humor...


REFERÊNCIAS

  • Fotos: Acervo pessoal do autor

Voltar


 

Publicado por Guimaguinhas
em 16/02/2020 às 17h33
 
15/02/2020 06h44
ÁGUAS VIRTUOSAS FUTEBOL CLUBE (76) Os uniformes do Águas Virtuosas (3)

Ilustração: Montagem. Os tradicionais uniformes do Águas Virtuosas Futebol Clube, inspirados nas cores do América Futebol Clube (RJ).


SUMÁRIO


APRESENTAÇÃO

Como se sabe, no ato de fundação do Águas Virtuosas Futebol Clube, em 26 de agosto de 1926, o artigo 61 estabeleceu o vermelho e o branco como as cores do clube, e bem assim o modelo da flâmula: toda vermelha, tendo ao centro uma bola branca, com as letras AV entrelaçadas.

Pois bem, sobre o uniforme do Águas Virtuosas já escrevemos os seguintes posts:

Hoje veremos o número 3 desta série, recordando um evento ocorrido em 1960: a bênção dos uniformes do clube.

Vamos lá.

Voltar


A BÊNÇÃO DAS CAMISAS

Em 1960, o time do Águas Virtuosas sagrou-se campeão Sul Mineiro de Futebol, em torneio organizado pela Liga de Varginha, com diversos lances extracampo, como vimos (aqui).

Revejam esta foto histórica:


Dr. Ferreira, Crisóstomo, Lilico, Guinho, Zé Aírton, Zezé e Chanchinha. Agachados: Pinellão, Pé-de-ferro, Marron, Alemão e Pinellinho


Pois bem, naquele ano, no dia 21 de agosto, data que antecedeu a um jogo contra o Atlético de Três Corações, dois novos jogos de camisas do Águas Virtuosas foram objeto de uma benção efetuada pelo cônego José Ramos Leal.

Confiram as fotos desse evento:

O cônego José Ramos Leal abençoa o uniforme branco/vermelho do Águas Virtuosas (ago/1960). Na foto, entre outros: Pe. José Ramos Leal, Crisóstomo Fernandes, Geraldo Brito, Manoel Correia, José Prado de Carvalho, Mozart Magalhães, Chico de Castro, Egídio Giacóia (semiencoberto, de óculos). O menino com a bola é o Jorge Careca, então mascote do time do Águas Virtuosas

O cônego José Ramos Leal abençoa o uniforme vermelho/branco do Águas Virtuosas (ago/1960). Na foto, entre outros: Osvaldo Dutra, Pe. José Ramos Leal, Chico de Castro, Nélson Miranda (ao fundo), Manoel Correia

Voltar


REFERÊNCIAS

  • Agradecemos a Denise Junqueira Guimarães e Kléber Junqueira Guimarães a cessão das fotos.

Voltar


 

Publicado por Guimaguinhas
em 15/02/2020 às 06h44
 
13/02/2020 18h09
PINTURAS E PINTORES DE AGUINHAS (5) - Exposição de quadros - Alunas de pintura Arus Clube

 Ilustração: Pintura de Sandra Junqueira. Exposição de quadros pelo grupo das alunas de pintura Arus Clube. Novembro de 2019. Reprodução

1253689.png

SUMÁRIO

1253689.png

APRESENTAÇÃO

Nesta Série Pinturas e Pintores de Aguinhas estamos lembrando alguns pintores e pinturas de Águas Virtuosas de Lambari.

Desta série, já publicamos:

Voltar


A EXPOSIÇÃO E AS PINTORAS

Nos dias 15 e 16 de novembro de 2019, ocorreu na Galeria do Parque das Águas a Exposição de quadros do grupo de alunas de pintura Arus Clube.

Foram expostas obras das seguintes pintoras:

  • Maria do Carmo Alves dos Santos (Carminha)
  • Ângela Maria Azevedo
  • Fátima Maria Barbosa Bacha
  • Talita Fonseca Dantas
  • Maria Aparecida A. de Lima
  • Sandra Junqueira
  • Marília Brasileiro
  • Maria Celina dos Santos
  • Terezinha Alauk
  • Regina Costa

Essa atividade desenvolvida pelo Arus Club de Lambari é coordenada por Nadeje Bacha.


Algumas das pintoras durante o evento ARUS PINTA LAMBARI (2018). Da esquerda para a direita: Maria de Fátima Bacha, Maria Aparecida Lima, Maria do Carmo Santos (Carminha) e Regina de Fátima Costa.

Reprodução. Fonte: Facebook/Prefeitura Municipal de Lambari

Voltar


OS QUADROS

Veja uma amostra da exposição:

Terezinha e Carminha

Carminha e Terezinha

Sandra e Ângela

Celina e Talita

Regina e Cida


Marília

Marília

Ângela

Ângela

Sandra

Fátima

Regina

Voltar


REFERÊNCIAS

Voltar


  

 

Publicado por Guimaguinhas
em 13/02/2020 às 18h09
 
08/02/2020 07h27
RECANTO DOS NETOS (7) Gols do Paulinho

 Ilustração: Paulinho com a camisa do Botafogo (presente do vovô) mostra a estrela solitária


SUMÁRIO


APRESENTAÇÃO

Nesta série RECANTO DOS NETOS contamos histórias das únicas criaturas que são mais encantadoras do que nossos filhos: os filhos dos nossos filhos — os nossos netos.


Como vimos contando nesta série RECANTO DOS NETOS, eu e Celeste temos 7 netos: Leonardo, Rafael, Maria Elisa, Isabela, Paulo Emílio, Rafaela Cecília.


Vó Celeste e sua turminha - Natal de 2019


E netos rendem boas histórias, como sabemos. Da nossa turminha já contamos algumas aqui no GUIMAGUINHAS, como estas:

E hoje temos mais uma: Os gols do Paulinho.

Vamos lá!


OS GOLS DO PAULINHO

 

Sempre que encontra o vô Guimão, Paulo Emílio quer jogar bola. Mais do que isso, quer fazer muitos gols...

Ele diz: — Vô, vamos jogar bola... mas ocê fala aquelas coisas que cê fala, tá bem?

As "coisas" que o vô Guimão fala são uma brincadeira de que o Paulinho gosta muito: — Vovô narra os gols do Paulinho, com entusiasmo, vibração, e, principalmente, emoção — pois os gols são sempre do Botafogo!

Imitando e misturando vozes, frases de efeito e expressões consagradas por célebres radialistas, entre eles: Fiori Giglioti, Waldir Amaral, Jorge Cury, Doalcei Bueno de Camargo, Osmar Santos, vai dizendo o vovô:

Maracanã, o maior estádio do mundo está completamente lotado.

— As torcidas de XXX (qualquer adversário histórico) e Botafogo tomam cada centímetro das arquibancadas (...)

— No Botafogo, o destaque é Paulinho, o camisa 9, artilheiro do Fogão com 50 gols. A torcida espera muito do seu artilheiro neste jogo que decide a vaga para o final do campeonato.

— Vai começar a partida. Abrem-se as cortinas e começa o espetáculo!

.....................

— É falta perigosa na entrada da área. Paulinho se prepara para bater. Coloca o pé ao lado da bola, recua um, dois, três passos. Olha por cima da barreira. E lá vai! Pimba na gorduchinha!!!  Uma pancada sensacional!!! Eee... tá no filóóóó! !!!  Éééé goooollllll!!! Gol de Paulinho para o Glorioso!!!

.....................

— Gérson toca para Jairzinho que encosta para Paulinho, chega o zagueiro e joga pela lateral. (...) Paulinho não desiste, ele mesmo cobra o lateral e corre para a área...

.....................

Atenção! Bola alçada na área, subiu Paulinho, testou... — É gooolllllll!!!! Gol de Paulinho, o camisa 9 do Fogão!!! Indivíduo competente este Paulinho!  

.....................

Lá vai Paulinho, passa por um, passa por outro, mete a bola entre as pernas do zagueiro, driblou o goleiro, vai marcar... e ripa-na-chulipa!... Chiruliruli-chirulirulá... ééééé... Goooollllll!!!! Gooolllaaaçço" Açooo!!!  Açoooo!!!  Nove é a camisa dele! Paulinho! Paulinho! faz a festa da galera do Fogão e enlouquece o Maracanã!

Goooll legalll!, confirma Mário Viana.

...................

Mas quando "termina o jogo e a locução", Paulinho reclama:

— Vô, eu não sou 9. Eu sou número 4!

— Mas Paulinho, o 4 não faz gol, quem faz gol é o número 9...

— Não, vô! Eu sou 4!!!!

É... se não vamos ter um novo Quarentinha, um Roberto, um Túlio Maravilha, talvez tenhamos um Basso, um Leônidas, um Gonçalves, sei lá...  


Epa, já ia me escapando!

E se for premonição do Paulinho?

E se ele estiver falando de um novo futuro Honda?

Vai saber...

Reprodução. Fonte: FogãoNet

Voltar


 

Paulinho bate bola na quadra em BrasíliA

Paulinho com a camisa do Fogão faz a alegria do vovô

Paulinho com a camisa da seleção peruana

Paulinho boleiro: aprendendo bater na bola e fazendo mil gols narrados pelo vovô

Voltar


REFERÊNCIAS

  • Fotos: Acervo pessoal do autor.

Voltar


  

 

Publicado por Guimaguinhas
em 08/02/2020 às 07h27
 
06/02/2020 04h59
RECANTO DOS NETOS (6) Cecília chegou!

Ilustração: Carol, Alan e Cecília - a sétima da turminha de netos de Celeste e Guima


SUMÁRIO

  • Apresentação
  • Cecília chegou
  • Oráculos - Machaddo Sobrinho
  • Referências

APRESENTAÇÃO

Nesta série RECANTO DOS NETOS contamos histórias das únicas criaturas que são mais encantadoras do que nossos filhos: os filhos dos nossos filhos — os nossos netos.


Ei, tem gente nova chegando ao RECANTO DOS NETOS!

E como é moderninha, já chegou causando!

Querem ver? Acompanhem a chegada da Cecília, nossa sétima neta, nascida em outubro de 2019.

Vamos lá!


Veja também estes outros posts da série:

Voltar


CECÍLIA CHEGOU!

Esta menina
tão pequenina
quer ser bailarina.
Não conhece nem dó nem ré
mas sabe ficar na ponta do pé.

CECÍLIA MEIRELES, A bailarina


Pois é, e chegou desempatando o jogo a favor das meninas da família: — agora são 4 mulheres (Maria Elisa, Isabela, Rafaela e Cecília) e três homens (Léo, Rafa e Paulinho).



É paulistana da Lapa, do signo de Libra (espírito rebelde, podem esperar), e botafoguense — bem, isso é um desejo do vovô!

Cecília é paulistana sim, como a mãe, mas certamente lambariense também, como o pai, pois que tem o mesmo nome da personagem principal da lenda das águas milagrosas, que narra a origem da vila de Águas Virtuosas de Lambari (aqui).

Mas por enquanto sua marca é a alegria, pois está sempre com um sorriso no rosto.

Confira:

Eita papai bonito!

Eu vou fugir da mamãe...!

Ôoooiiii, gente!!!

Hahaha!!! Meu vovô é tão gozado!


Além disso tudo, Cecília é corajosa! Já enfrentou a fila da vacinação e saiu de lá com seu atestado de bravura!

Vejam só:


Seja bem-vinda à nossa turminha miúda, Cecília!

Vovó Celeste e vovô Guimão

Voltar


ORÁCULOS - MACHADDO SOBRINHO

Poesia
é brincar com palavras
como se brinca
com bola, papagaio, pião. (...)

JOSÉ PAULO PAES, Convite


Com nome de poeta — e poeta brasileira célebre—, nossa Cecília recebeu de outro poeta — o Machaddo Sobrinho (nome literário do amigo Zé Machado) um presente em forma de poesia.

Uma bela poesia. Confiram:

* Os familiares de Cecília agradecem ao Machado esse presente

Voltar


REFERÊNCIAS

  • Oráculos [Poema]. Machaddo Sobrinho, Lambari, MG, 2019
  • Leiturinha. Os melhores poemas de Cecília Meireles para crianças - aqui
  • Leiturinha. 15 poemas famosos para ler com as crianças - aqui
  • Fotos: acervo pessoal do autor

Voltar


 

Publicado por Guimaguinhas
em 06/02/2020 às 04h59
Página 1 de 86
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 »

Espaço Francisco de Paula Vítor (Padre Vítor)

 

Aprendizado Espírita Net

 

 

As Águas Virtuosas de Lambari e a devoção a N... R$1,00
Os Curadores do Senhor R$20,00
Abigail [Mediunidade e redenção] R$20,00
Menino-Serelepe R$20,00
Site do Escritor criado por Recanto das Letras

Formas de interação com o site GUIMAGUINHAS

- Contato com o site - clique o link e envie sua mensagemhttp://www.guimaguinhas.prosaeverso.net/contato.php

- Contato com o autor - envie mensagem para este e-mail: historiasdeaguinhas@gmail.com

- Postar comentários sobre textos do site - utilize esta ferramenta que está ao pé do textoComentar/Ver comentários 

- Enviar textos: utilize acima: