Guimagüinhas
Memórias familiares e de minha terra natal
Textos
Ilustração: Cromo representando a enseada do Lago Guanabara, em Lambari (MG). Veja aqui

SUMÁRIO
 

Dizem que o fato de Minas não ter mar é o velho desacocho dos mineiros.
Será?

​Pai Véio — um contador de historias

 Como já deixei anotado neste site, meu avô paterno — o seu Zé Batista — a quem os netos chamavam de Pai Véio, foi um grande contador de histórias (aqui).

A seguir (re)conto uma de suas histórias prediletas. Vamos lá!

Por que Minas não tem mar?
 
Apaixonado por sua terra natal, Pai Véio costumava contar que Deus, quando fez o mundo, caprichara especialmente nas terras das Minas Gerais. E nós, tomados do eterno desacocho mineiro, perguntávamos:
 
— Se foi assim, por que Minas não tem mar?
 
Ele não se apertava, e respondia.
 
— Foi assim.  Deus, vocês sabem, é brasileiro. E quando estava fazendo o mundo, quis pôr todas as coisas boas em nosso país. Por isso, não temos vulcões, nem furacões, nem terremotos. E temos sim uma terra rica e bela. Como Ele queria nos dar uma costa imensa, um mar maravilhoso com praias paradisíacas, se concentrou muito nisso. Por esse motivo, os panelões em que Deus cozinhava os elementos para formar Minas foram esquecidos no fogo. E ferventaram, ferventaram – e Deus lá ocupado com os mares e praias do Brasil. Quando terminou esse trabalho, viu que os ingredientes tinham passado do ponto, cozido demais, queimados alguns, calcinados outros, tal a quentura das panelas. E mais: não deixara nem um pedacinho do mar para aquela região que ainda ia formar. E ainda pior: já era o sexto dia, e no sétimo Ele iria descansar. E o que Deus fez então? Como era muito criativo, pegou todos aqueles elementos queimados, requeimados, calcinados e formou um solo extraordinário, e deste solo fez brotar inúmeras riquezas minerais, as águas abundantes, cristalinas e salutares, a terra mais fértil que há e o melhor clima do mundo. Por isso é que em Minas tudo de melhor vem da terra.

Vejam só:

Minas Gerais: Mar de montanhas, mar de água doce, mar de ouro e pedras preciosas
Onde estão as maiores reservas de minérios? E não somente de ferro, mas também de cal virgem, de caulim, de pedras decorativas. Onde estão as mais abundantes jazidas de ouro, de pedras preciosas e semi-preciosas? Onde estão as melhores águas minerais do planeta? Onde estão as águas termais, as lamas medicinais? E as cachoeiras mais gigantescas, as cascatas mais lindas, os córregos mais límpidos, os rios mais piscosos, as maiores represas? E as montanhas e os pastos? E a vegetação luxuriante e diversa, que abriga fauna e floras extraordinárias. E o clima mais salutar de todos, onde está? E as nossas grutas, nossos picos, nossas serras? Nessa região de clima ameno, de chuvas que nunca faltam nem vêm em demasia, é que Deus pôs esta terra vital e abençoada, que dá de tudo. Além do café, que ninguém consegue igualar, temos arroz, milho, feijão, cana de açúcar. É aqui que estão as pastagens mais nutritivas, que criam gados, que dão leite, do qual sai a riqueza dos nossos queijos e da nossa carne. Quem não gosta do nosso queijinho? E da nossa culinária rica, farta, vária, incomparável? De onde vêm os melhores laticínios? As melhores cachaças? O melhor torresmo, os doces mais gostosos? (huummmm!!!)
 
Como se esqueceu de reservar um pedacinho de mar para Minas, Deus nos compensou assim. Não acham que foi justo? 
 
— Ah, é por isso também que vocês têm de cuidar da Natureza que Deus fez tão especialmente pra vocês, seus minensezinhos sapecas!


A riqueza das águas, dos montes e das serras em Lambari

  
Parque de Caxambu - Placa em frente ao engarrafamento das águas

Vocabulário de Aguinhas

Desacocho: Desapontamento.
Minense: Nascido em Minas Gerais; mineiro.

Livro inédito

Do livro inédito Pai Véio — um contador de histórias, de Antônio Lobo Guimarães, pseudônimo com que Antônio Carlos Guimarães (Guima, de Aguinhas) assina a série MEMÓRIAS DE ÁGUINHAS. Veja acima o tópico Livros à Venda.

Referências: imagens da internet e coletânea de fotos e cromos do autor 

 
Guimaguinhas
Enviado por Guimaguinhas em 02/02/2015
Alterado em 20/05/2021
Comentários

Espaço Francisco de Paula Vítor (Padre Vítor)

 

Aprendizado Espírita Net

 

 

E-BOOKS DO AUTOR NA AMAZON/KINDLE R$ 1,00
As Águas Virtuosas de Lambari e a devoção a N... R$ 1,00
Os Curadores do Senhor R$ 20,00
Abigail [Mediunidade e redenção] R$ 20,00
Menino-Serelepe R$ 20,00
Site do Escritor criado por Recanto das Letras

Formas de interação com o site GUIMAGUINHAS

- Contato com o site - clique o link e envie sua mensagemhttp://www.guimaguinhas.prosaeverso.net/contato.php

- Contato com o autor - envie mensagem para este e-mail: historiasdeaguinhas@gmail.com

- Postar comentários sobre textos do site - utilize esta ferramenta que está ao pé do textoComentar/Ver comentários 

- Enviar textos: utilize acima: